Mitos e verdades sobre quiropraxia

Mitos e verdades sobre a quiropraxia

Mito 1 – Quiropraxia não é indicado para mim!

Qualquer pessoa pode se beneficiar com o tratamento de Quiropraxia. A Quiropraxia promove não apenas o alívio da dor, mas faz com que seu corpo funcione melhor, mais alinhado e equilibrado. Não é necessário ter dor para ir ao quiropraxista. A dor é o último dos sintomas a aparecer, é o disparo de emergência que seu corpo lhe dá.

Mito 2 – O tratamento de Quiropraxia (os ajustes, em específico) provoca muita dor.

O Ajustamento Articular não provoca dor, pelo contrário a maioria das vezes a sensação provocada é de alívio imediato. Porém, em casos onde a dor é intensa, o que sugere sinais de inflamação aguda, é normal sentir desconforto ao contato do local, que tende a aliviar logo após tratamento.

Mito 3 – Quiropraxista tratam apenas da coluna vertebral.

Quiropraxistas são excelentes na terapêutica da coluna, mas realizam também tratamento de membros superiores e inferiores (braços, mãos, pernas e pés ), além de dores de cabeça, disfunções da articulação temporomandibular (ATM), ajuda no tratamento do estresse, distúrbio do sono, etc. Além de realizar orientações de exercícios, orientações posturais e ergonômicas.

Mito 4 – Quiropraxia é muito caro!

Estudos mostram que comparado ao tratamento convencional (medicamentoso, cirúrgico…), o tratamento com Quiropraxia tem melhor custo-benefício. Poucas sessões já são capazes de livrá-lo de várias dores que tem se concentrado há anos, e o melhor de tudo, é sem uso de medicamentos ou intervenções invasivas.

Mito 5 – Quiropraxistas não são profissionais graduados.

A verdade é que para se tornar Quiropraxista são necessários de 4 a 5 anos de graduação universitária para receber o título de bacharel em Quiropraxia e se tornar um profissional capacitado para lidar com lesões, alterações e comprometimentos do sistema neuro-musculoesqueléticos. Qualquer estudo inferior a esse não é recomendado ou aprovado pelo OMS (Organização Mundial de Saúde) e pela WFC (Federação Mundial de Quiropraxia).

*Ao buscar um quiropraxista, verifique se o mesmo é membro da Associação Brasileira de Quiropraxia (ABQ – http://www.quiropraxia,org.br), o único órgão brasileiro que responde e representa o quiropraxista no Brasil e no mundo